Política

Prefeito é notificado pela ALEAM para apresentar defesa em processo sobre prestação de contas do período que foi governador

Na quinta-feira (22), a Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) enviou uma notificação ao prefeito de Manaus, David Almeida, solicitando que o mesmo apresente, no prazo de 15 dias, uma defesa no processo de julgamento sobre a prestação de contas do seu ‘mandato-tampão’ como governador do AM em 2017.

Em 2017, David assumiu o cargo de governador no lugar de José Melo, que foi cassado por compras de votos. Naquele exercício, o Executivo Estadual dispunha de R$ 14,6 bilhões previstos para gastar durante todo o ano, sendo que entre maio e outubro foram gastos R$ 6,4 bilhões.

O oficio foi emitido pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) da ALEAM e o relator foi o deputado Wilker Barreto. No documento, diz:

“Por meio do presente expediente, fica Vossa Excelência notificada, na forma do art. 172, III, do Regimento Interno da ALEAM-RIALEAM, a, querendo, apresentar defesa nos autos do processo de julgamento de prestação de contas de governo relativa ao exercício de 2017, no qual V. Exa. figura como um dos responsáveis, por ter ocupado, de forma interina, a chefia do Poder Executivo estadual no referido exercício de 2017“.

Veja o documento na íntegra:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *