Países da UE fazem pressão contra a Pfizer após atraso nas entregas da vacina

Países da União Europeia fizeram críticas à farmacêutica Pfizer pelo atraso nas entregas da vacina contra o COVID-19. Nações como a Suécia e a Dinamarca, por exemplo, consideram a situação inaceitável.

A empresa alega que o problema é temporário e que se deve às mudanças na fabricação do imunizante, que têm o objetivo de aumentar a capacidade de produção. A União Europeia fechou acordo com a Pfizer para a compra de 600 milhões de doses em 2021.

Fonte: CNN BRASIL – Nenhuma violação de direitos autorais pretendida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *